Bandido invade loja da Havan com carro furtado, mas em seguida é preso pela Polícia Militar


Numa ação rápida, a Polícia Militar conseguiu deter e prender criminoso que invadiu a loja da Havan, na BR-282, em Lages na madrugada de sábado, 10.
A Polícia Militar foi acionada na madrugada de sábado, 10, para atender uma ocorrência de furto na loja Havan, na BR- 282 em Lages, na Serra Catarinense. Ao chegar ao local, os policiais da Radiopatrula encontraram o criminoso, William Rocker Guedes, com registros de várias passagens policiais, ainda no interior do estabelecimento.
Ele estava dentro do veículo Saveiro carregado de mercadorias furtadas, aproximadamente R$15 mil em produtos. O carro utilizado pelo sujeito para invadir a loja também havia sido furtado na mesma noite, poucas horas antes.
Os PMs deram voz de prisão, solicitaram que desligasse o veículo e colocasse as mãos sobre a cabeça, o sujeito desobedeceu a ordem. Ao se aproximar do veículo os policiais perceberam que ele possuía um objeto semelhante a uma arma de fogo. Se sentindo acuado o criminoso se mostrou agressivo, resistiu a abordagem e acelerou o veículo carregando um dos policiais por uma distância de cerca de dois metros.
Na fuga, o bandido bateu na viatura que estava no estacionamento da loja e, depois adentrou em um terreno localizado atrás do estabelecimento. Radiopatrulha e PPT fecharam o cerco e o autor acabou batendo o carro em uma cerca, abandonou o veículo e fugiu a pé no meio do mato. Foi perseguido pelos PMs entre cercas, valas, trilhos e casas e foi detido na rua Ponte Grande, no bairro Guarujá.
O veículo utilizado para a prática do crime foi apreendido e apresentado na Delegacia de Polícia, pois foi constato que havia sido furtado na mesma noite algumas horas antes. O proprietário do carro nem havia ainda percebido e registrado o fato.
William Rocker Guedes foi identificado como autor do furto na padaria Santa Marta, ocorrido dias atrás na cidade. Em relação ao objeto semelhante a arma de fogo, que foi visualizado com o autor, os policiais acreditam que foi dispensada durante a fuga.
O caso será investigado pela Polícia Civil.


Texto: Catarinas || Fotos: 6o BPM

Comentários