Wooden House | Girso Palma

JASC 2017

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

6º BPM realiza destruição de aparelhos sonoros apreendidos em Lages

O 6º Batalhão de Polícia Militar (BPM), mediante autorização judicial, destruiu na tarde desta quarta-feira (28), parte dos aparelhos e materiais de som automotivo apreendidos em ocorrências de perturbação do sossego.


A perturbação do sossego é uma contravenção penal e sujeita o autor a responder a um Termo Circunstanciado, cuja pena é de prisão simples de quinze dias a três meses ou multa.

“Importante esclarecer à população, que a perturbação do sossego pode ser reclamada a qualquer horário do dia ou da noite, e não somente após às 22 horas, basta que esteja perturbando o sossego ou o trabalho alheios. 

Qualquer pessoa que sinta-se incomodada em decorrência do volume abusivo, seja ele decorrente de veículo  ou mesmo de reunião de pessoas, pode denunciar à polícia militar.

A perturbação do sossego é uma das principais ocorrências atendidas pela polícia militar em Lages, e basta uma única ligação para o 190, para que a Central Regional de Emergências (CRE) desloque uma viatura até o local e realize o procedimento com a consequente apreensão dos objetos que estão realizando a perturbação.


A destinação dos objetos apreendidos em sua grande maioria tem sido a destruição, ou seja, além da responsabilização criminal, o autor desta infração ainda arcará com o prejuízo financeiro da perda do bem.

Mesmo com a destruição realizada no dia de hoje, ainda permanece no depósito do 6º BPM diversos materiais apreendidos em ocorrências de perturbação do sossego, aguardando decisão judicial para a destinação desses bens.

5 comentários:

Dal Pizzol disse...

pena que não bem assim, este texto fica bonito apenas pra por no blog, pq a realidade é outra bem diferente...
lages é a cidade do pode tudo, o posto petrolages, desde que minha casa foi construída vaza um gás enauseante, já foi bombeiro, vigilância sanitária e nada foi feito a respeito, pois alegam que não é vazamento, enquanto isso minha família fica convivendo com esta situação insalubre.
se vcs da imprensa puderem se reunir e ver uma maneira de me ajudar ficaria muito agradecido

Unknown disse...

Parabéns a nossa polícia, é isso aí,manter a ordem pública,pois nossa sociedade e as pessoas de bem não aguentam mais essa verdadeira baderna e desrespeito de som alto.

Anônimo disse...

Palhaçada Isso!!!!

Anônimo disse...

Esses vagabundos tem que destruir ! Para depois qualquer evento que aja na cidade eles posam contratar alguma empressa de sonorização por alguns milhares de reais que na verdade 70% desse valor vai pro bolso deles !!!!

Anônimo disse...

Trabalho eficiente da policia, estão de parabéns! Deixar estes aparelhos intactos pode ser um perigo eminente pra população, vai que eles comecem a tocar sozinhos.
Doar ou leiloar pra alguma instituição nem pensar.